A comemoração do dia do Trabalhador remete a um fato trágico que aconteceu em 1886, em Chicago, nos EUA. Naquela ocasião, alguns trabalhadores perderam a vida após as manifestações que começaram no dia 1º. de Maio daquele ano.

Essas manifestações – conhecidas como a Revolta de Haymarket – tinham como objetivo pedir melhores condições de trabalho para as pessoas.

Nada mais justo do que dedicar esse dia para homenagear os trabalhadores! E digo mais: nada mais justo do que dedicar esse dia para homenagearmos o trabalho. O trabalho, que infelizmente ainda falta para as pessoas que batalham em buscar de uma recolocação no mercado de trabalho.

Isso também faz com que tenhamos que ser gratos pelo trabalho que nós temos. A gratidão é um elemento importante para a nossa vida, mas é muito comum esquecermos dela em alguns momentos.

E vários desses momentos têm diretamente a ver com o nosso trabalho. Em outras palavras, quando a gente se depara com tarefas difíceis, com uma condição de trabalho que poderia ser melhor ou com um ambiente de trabalho pouco colaborativo, etc., tendemos a esquecer a gratidão e a educação para reclamar e mostrar nossa insatisfação.

Que fique bem claro que não quero tirar o direito de nos sentirmos insatisfeitos ou de reclamarmos, mas eu acredito firmemente que muitas das coisas que são objetos da nossa reclamação são criadas por nós mesmos. Talvez até pela falta de gratidão e educação.

E o pior é que muitas vezes a gente somente reconhece isso quando estamos “do lado de lá”, quando trocamos de emprego e daí descobrimos o quanto éramos felizes e não sabíamos. Ou pior: quando aumentamos a longa fila dos desempregados.

Por isso que neste dia do Trabalhador, eu faço votos de que a gente agradeça e homenageie o trabalho, pois é a existência do trabalho que faz com que tenhamos emprego e carreira. É a existência do trabalho que nos torna fator fundamental para todas as organizações.

Feliz dia do Trabalho para todos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.