Uma premissa muito importante para o Coaching é o estado futuro, o objetivo que cada pessoa tem para com o seu processo.

Igualmente importante é reconhecer o estado atual, ou seja, como a pessoa está atualmente em termos de conhecimentos, habilidades, atitudes e comportamentos.

É justamente a partir do objetivo desejado e do estado atual que será elaborado um plano e serão definidas as ferramentas e abordagens a serem utilizadas a fim de que seja construída a ponte entre o estado atual e os objetivos do cliente.

Percebe-se, então, que o Coaching tem a ver com o meio, com a estratégia a ser adotada para que os objetivos do cliente sejam alcançados.

Percebe-se também que qualquer semelhança com a Administração não é mera coincidência, pois a Administração trata fundamentalmente da elaboração, aplicação e gerenciamento dos planos elaborados pelas empresas para que seus objetivos sejam conquistados.

Essas semelhanças fazem com o que o Coaching também seja um grande aliado para a gestão das organizações. Como? Citamos um exemplo: uma das ações mais importantes da Administração é o Planejamento Estratégico Organizacional.

O Planejamento Estratégico Organizacional serve para formalizar o estado futuro (objetivos) que a organização deseja alcançar e definir a forma pela qual estes objetivos serão atingidos. Ferramentas como 5W2H, Hoshin, entre outras, são utilizadas para dar suporte a este planejamento.

Também é fundamental reconhecer o estado atual da empresa e isso é feito por meio de ferramentas como a
Análise SWOT, perfil organizacional, etc.

É justamente esse o grande ponto de convergência entre o Coaching e a Administração, pois as ferramentas de gestão utilizadas para o Planejamento Estratégico Organizacional (Análise de perfil, Análise SWOT, 5W2H) também são utilizadas no planejamento de um processo de Coaching.

Nesse caso, falamos mais especificamente do Coaching de Carreira, do Coaching Executivo e do Coaching de Negócios, que são formas de utilização do Coaching que têm como objetivo a utilização de metodologias e ferramentas que o cliente já conhece em sua vida profissional, facilitando assim o planejamento e execução das ações desenvolvidas em seu processo de Coaching.

Em um processo de Coaching profissional é comum utilizarmos Análise SWOT para identificar os pontos fortes, pontos de melhoria, oportunidades e ameaças para o cliente.

São feitas também análise de perfil comportamental e metodologias para definir o que, quando e como determinadas ações serão realizadas.

É correto afirmar também que este tipo de abordagem é mais facilmente realizada pelo Coach que é graduado em Administração e tem em seu currículo uma boa experiência organizacional, pois se trata de um nicho de atuação que demanda conhecimento de causa.

Mas, o fato é que o Coaching profissional está intimamente ligado à Administração e é um grande parceiro para a gestão, pois usa as ferramentas da própria organização para o desenvolvimento das capacidades de administração e liderança dos seus gestores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.