Uma das pessoas que mais estudou e escreveu com mais propriedade e conhecimento de causa sobre liderança, Peter Drucker entendia que a gestão de qualquer negócio tinha sua essência em duas palavras bem simples: decisão e ação.

Para deixar mais claro o que quer dizer decisão e ação, Peter Drucker elencou oito fatores que dão suporte que devem conduzir nossas decisões e ações:

  1. Sabem o que querem: líderes têm um objetivo claro e bem definido e sua visão de futuro é essencial para o seu sucesso;
  2. Sua visão de futuro é o seu pensamento dominante: ao ter consciência do que deseja, dos seus objetivos, temos como determinar quais pensamentos, comportamentos e ações nos aproximam ou nos afastam dos nossos objetivos;
  3. Sabem navegar em mar turbulento: enfrentamos vários desafios, diariamente. Todo aprendizado que temos a partir dos desafios que enfrentamos nos fortalecem;
  4. Desejam vencer: líderes bem sucedidos querem, de fato, alcançar seus objetivos. Pode parecer estranho, mas o fato de querer algo é o que remete à ação, efetivamente. Quando ficamos somente o campo dos desejos e sonhos, ficamos também distantes dos nossos objetivos;
  5. Sabem priorizar o que precisa ser feito: líderes bem sucedidos têm uma capacidade de priorização, organização e foco muito grande porque sabem que se esses ingredientes não existirem seus objetivos não serão alcançados;
  6. Sabem administrar a si mesmos: equilíbrio é uma palavra-chave para líderes bem sucedidos, pois muitos tendem a pensar que líderes bem sucedidos estão focados somente no trabalho e na sua realização. Pelo contrário: sabem administrar a si mesmos e usar bem o seu tempo;
  7. Conhecem as suas competências: líderes bem sucedidos sabem que não têm todas as capacidades necessárias para o sucesso desejado. Mas isso não lhes é obstáculo;
  8. Evoluem continuamente: líderes bem sucedidos agem como um “sistema aberto”, ou seja, estão atentos a tudo que ocorrem e estão aptos e dispostos a absorver tudo o que lhe for útil.

Decisão e ação são fundamentais para a liderança. Quando decidimos fazer algo e, principalmente, quando colocamos nossas ações em prática, colocamos também em movimento um conjunto de engrenagens que conspira favoravelmente para que tudo ocorra em prol dos nossos objetivos.

Mas eu acredito que antes da decisão e da ação, há outra palavra importante: a descoberta. Somente conseguimos decidir sobre algo que nos é consciente. Somente conseguimos decidir melhor sobre qualquer assunto quando descobrimos o quanto o assunto em questão é importante.

São as nossas descobertas que fazem com que nossas decisões e ações façam sentido e são as nossas descobertas que fazem com que nos sentimos motivados a tomar as decisões e a agir.

Então, qual é o primeiro passo da liderança bem sucedida? Descobrir! Descobrir a si mesmo! E como se faz isso? Ouvindo as pessoas, prestando atenção ao que ocorre em nossa volta e, principalmente, às ideias e insights que costumam aparecer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.