Não importa o quanto você tenha viajado e o quanto você seja informado. Não importa o quanto você tenha estudado ou o quanto você acompanha o noticiário e as coisas que acontecem no Mundo. A verdade é que a gente conhece muito pouco sobre a realidade que nos cerca. Conhecemos muito pouco sobre o Mundo.

Confesso que isso traz uma grande sensação de desconforto. Uma aparente incapacidade de fazer algo pelas pessoas e pela Sociedade em geral. Não sei se a proposta inicial do TEDx Blumenau 2019 era a de chamar a atenção para o que acontece no nosso Mundo. Se o objetivo era esse, devo dizer que acertou em cheio.

Mas, também acertou em várias outras coisas. Não estou me referindo somente à organização ou aos palestrantes. Me refiro ao fato de que a diversidade de temas abordados apresentou para nós pontos muito relevantes: tecnologia não é só o que a gente pensa que é; há muita tecnologia, mas ainda há sérios problemas sociais que afligem o Mundo; tem muita gente precisando ter acesso às tecnologias mais “básicas”; há pessoas engajadas e dispostas a mudar o Mundo com iniciativa, boas intenções e dedicação.

Para que esse insight faça mais sentido, talvez seja necessário ressignificar a palavra central de todo o evento: Mundo! Essa foi a epifania, a grande descoberta! Sei que parece óbvio, mas é um óbvio gritante: nosso Mundo é aquele que está ao nosso redor. Nossa Sociedade é aquele microambiente no qual vivemos. São as pessoas com as quais convivemos e que impactamos por meio de nossos comportamentos e atitudes.

Eu sei que às vezes temos vontade de, literalmente, salvar o Mundo. Queremos acabar com a fome e as guerras, com as doenças e a corrupção. Só que esses objetivos parecem tão gigantescos que fazem com que muitos desistam e se prostrem diante das dificuldades. É por isso que pensar no microambiente faz sentido. É por isso que eu entendo que o Mundo em que vivemos é aquele para o qual conseguimos estender as nossas mãos e, por meio delas, fazer a diferença e impactar positivamente a coletividade.

O TEDx Blumenau 2019 trouxe vários exemplos de pessoas que têm trabalhado para mudar o Mundo ao seu redor. Creio que as palestras causaram um impacto positivo nas pessoas que estavam presentes, afinal, esse é o objetivo principal dos TED Talks.

Só que esse impacto positivo somente se tornará tangível no momento em que descobrirmos qual é o nosso Mundo e o que podemos fazer para salvá-lo. Aliás, vale aqui lembrar uma passagem do Talmude, o livro sagrado das leis e tradições judaicas: “Quem salva uma vida, salva o Mundo!”

Faz mais sentido pensar e agir no ambiente ao nosso redor, no nosso Mundo, pois se uma parcela significativa da população fizer isso, estaremos salvando o Mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.